Hermann Hesse

Hermann Hesse

Hermann Hesse

Poetas

Hermann Karl Hesse nasceu a 2 de julho de 1877, em Cawl, na Alemanha. Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura e do Prêmio Goethe , ambos em 1946, foi um dos mais populares escritores alemães do século XX, com obras de repercussão mundial, principalmente o romance “O Lobo da Estepe”, de 1927. Como poeta, publicou três livros: “Unterwegs”, de 1911; “Musik des Einsamen”, de 1915 e “Trost der Nacht”, de 1923. Também em 1923, ele naturalizou-se suíço.

Filho de pais missionários protestantes, que pregaram o cristianismo na Índia. a religião sempre esteve muito próxima à vida e obra de Hesse. A sua expressão poética nasceu a partir de uma viagem à Nova Déli, em 1911, quando aproximou-se à espiritualidade oriental.

Duas outras influências contribuíram muito para a literatura de Hesse: a eclosão da Primeira Guerra Mundial, que deixou marcas emocionais muito fortes no autor, além dos conceitos da “psicologia analítica”, a partir de uma aproximação com Carl Gustav Jung.

As obras de Hermann Hesse são consideradas audazes, reflexivas e pungentes, sempre apresentando ideais humanitários. Mesmo tornando-se popular, conseguiu aproximar a linguagem coloquial à erudita clássica e de alta qualidade de estilo. 

Hermann Hesse faleceu no dia 9 de agosto de 1962, em Montagnola, na Suíça.

Poemas de Hermann Hesse:

Sorte

Enquanto vives perseguindo a sorte, não estás pronto para ser feliz, ainda que seja teu o que mais queres. Enquanto te lamentas do perdido, e tens metas e não te dás descanso, não podes saber o valor da paz. Só quando a todo anelo renuncias, sem objetivos nem desejos...

ler mais

O Lobo da Estepe

Lobo da estepe, vou eu trotando, trotando. O mundo cobre-se todo de neve. De uma bétula, sai voando um corvo; mas em nenhum lugar se vê uma lebre, não se vê uma gazela. Com as gazelas sou tão delicado, ah, se uma aparecesse! Tomá-la-ia nas garras, nos dentes: não há...

ler mais

Poetas similares a Hermann Hesse

Trackbacks / Pingbacks

  1. Friedrich Schiller » Recanto do Poeta - […] Hermann Hesse […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Categorias

0